MPF pede afastamento do diretor da Maternidade Dona Evangelina Rosa - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

15 de dez de 2018

MPF pede afastamento do diretor da Maternidade Dona Evangelina Rosa

O Ministério Público Federal (MPF) no Piauí ajuizou ação civil pública, com pedido de liminar em que pede o afastamento do diretor da Maternidade Dona Evangelina Rosa, Francisco de Macedo Neto. O MPF determinou ainda que o novo gestor a ser nomeado cumpra as determinações no sentido de abastecer o estoque de medicamentos e insumos da maternidade.
A ação civil publica foi ajuizada contra o Estado do Piauí, a União, o secretário estadual de Saúde, Florentino Alves Veras Neto; o secretário estadual da Fazenda, Antônio Luís Soares Santos; o secretário de Administração e Previdência, José Ricardo Pontes Borges e o diretor-geral da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), Francisco de Macedo Neto.
O principal alvo da ação é o diretor da maternidade. O procurador da República Kelston Lages, autor da ação, determinou que o afastamento de Francisco Macedo seja imediato. Para o MPF, as irregularidades encontradas na maternidade colocam em risco a assistência à saúde da população e não foram devidamente sanadas pela direção.
“A situação do diretor se tornou insustentável diante do descalabro administrativo presente ali encontrado e comprovado, agrava-se tal quadro a sua inércia e desobediência às recomendações expedidas para reparar ou amenizar tal situação, que tem ceifado vidas”, declarou o procurador Kelston Lages.
Procurador da república Kelston Lages — Foto: Catarina Costa / G1Procurador da república Kelston Lages — Foto: Catarina Costa / G1
Procurador da república Kelston Lages — Foto: Catarina Costa / G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI