Procurador da Fazenda que esfaqueou juíza é encontrado morto - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

4 de fev. de 2020

Procurador da Fazenda que esfaqueou juíza é encontrado morto



O procurador da Fazenda Matheus Carneiro Assunção, que esfaqueou uma juíza em outubro do ano passado dentro da sede do Tribunal Regional Federal da 3ª região, na Avenida Paulista, foi encontrado morto em uma clínica psiquiátrica na Zona Sul de São Paulo. 
Procurador da Fazenda que esfaqueou juíza é encontrado morto

O corpo foi encontrado após uma funcionária, responsável pela alimentação dos pacientes, tentar entrar no quarto do procurador. Ela chamou o paciente diversas vezes. Por isso, resolveu pedir ajuda. A porta estava bloqueada por uma poltrona e a morte foi constatada por volta das 8h.

Entenda

Matheus Carneiro foi preso em flagrante no dia 3 de outubro de 2019 após atacar a juíza Louise Filgueiras na sede do TRF-3. Por volta das 18h deste dia, após deixar um evento que acontecia no espaço, ele usou as escadas e entrou em diversos gabinetes de desembargadores federais. Um destes gabinetes era do desembargador Paulo Fortes, que estava de férias e estava sendo substituído pela juíza. Foi então que Matheus atacou Louise diversas vezes com uma faca. Ela conseguiu desviar da maior parte dos golpes, mas sofreu um corte superficial no pescoço e foi atendida pelos médicos do próprio Tribunal. 

A defesa de Matheus alegou que o procurador estava com “grave perturbação mental” e foi determinado que ele fosse transferido para a penitenciária Dr. José Augusto César Salgado, a P2 em Tremembé. Em novembro, Carneiro foi transferido para uma clínica psiquiátrica em São Paulo. 

Testemunhas do caso disseram que o procurador estava transtornado e que gritava que estava lá para acabar com toda a corrupção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI