Teresina completa 168 anos de esperança em meio a pandemia - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

15 de ago. de 2020

Teresina completa 168 anos de esperança em meio a pandemia


Teresina nunca será mais a mesma depois da pandemia do novo coronavírus, assim como as demais capitais do mundo. A cidade precisou unir forças para enfrentar um inimigo invisível à olho nu. 

Em uma verdadeira guerra biológica, os cidadãos aprenderam que todos são iguais, sobretudo nas vulnerabilidades de ser. Agora que aos poucos as coisas tomam novos rumos, um ciclo de renovação e esperança marcam os 168 anos da capital do Piauí, neste domingo dia 16 de agosto.


Teresina completa 168 anos - Foto: Raíssa Morais/Jornal Meio Norre



E essa esperança toda vem de uma nova geração que cresce em busca de cidadania. As crianças, que de forma injusta viveram esse semestre de pandemia, trazem ensinamentos valorosos para a busca de um futuro melhor, mesmo após um período tão difícil que vitimou tantas vidas.

As crianças dessa geração tiveram menos oportunidades para brincar livremente, ou ter um cotidiano normal na escola como os pais tiveram. Mas elas mostraram sabedoria para enfrentar uma guerra de gente grande. Seja adotando os novos hábitos, como o uso obrigatório da máscara e frequentemente higienizar as mãos, ou simplesmente mostrando paciência e sobriedade no enfrentamento do tão difícil período de isolamento social, longe dos coleguinhas e de familiares.


Anna Flávia - Foto: Raíssa Morais/Jornal Meio Norte



Anna Flávia, de 8 anos, tem esperança que poderá viver sua infância com alegria, na companhia da família e dos amigos. “Espero que quando acabar a pandemia que tudo volte ao normal e que as pessoas voltem a se abraçar. Que as crianças possam voltar para a escola, para a igreja, para o shopping e outros lugares”, conta.

Analu quer ser feliz em Teresina - Foto: Raíssa Morais



Analu, de cinco anos, diz que quer ser feliz. “Eu quero brincar com minha prima, com a irmã dela e com o cachorro delas. Fazer várias coisas! Eu quero brincar com minhas amigas da escola, tô com saudade da escola. Quero ir ao shopping comprar mais roupas. Brinquedo não, porque já tenho muitos. Quero ser feliz!”, dispara.

Noah aprendeu a higienizar as mãos com frequência - Foto: Raíssa Morais



Outros têm desejos ainda mais simples. Noah, de sete anos, só quer praticar seu esporte favorito. “Quando acabar a pandemia eu quero sair para jogar futebol. Além de poder sair sem máscara, é claro”, deseja.

Uma capital que sonha alto

Teresina enfrenta a Covid-19 com a esperança de um futuro melhor. No momento os munícipes acompanham a reabertura gradual do comércio, seguindo protocolos de segurança, além de lockdowns parciais durante os finais de semana, em que cada pessoa tem dado sua contribuição respeitando as medidas de segurança no combate ao novo coronavírus.

Aniversário de Teresia em 2020 traz desejos de mudanças - Foto: Danilo Romero/ TV Meio Note


Por enquanto, os números de mortes e infectados pela doença tem caído, o que mostra que a superação de dias tão difíceis está chegando.


Com a promessa de vacinas até o início de 2021, o aniversário de Teresina este ano ganha com ele um grande desejo de mudanças e de retomada da vida normal, dentro dos limites possíveis da biossegurança.

Teresina enfrenta pandemia com esperança e fé - Foto: Raíssa Morais



A cidade e os cidadãos da capital do Piauí esperam o futuro de braços abertos. E que venham mais 168 anos de Teresina.

Teresina retoma atividades seguindo protocolos - Foto: Raíssa Morais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI