Venda de bebida alcoólica deve ser suspensa por 14 dias em Floriano - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

20 de ago. de 2020

Venda de bebida alcoólica deve ser suspensa por 14 dias em Floriano

 Foto:Ascom

Membros do Comitê Gestor de Crise de Floriano e empresários da cidade, que fica a 247 Km de Teresina, se reuniram na tarde desta quarta-feira (19), para definir se avançam ou não nas fases de retomada econômica. 

PUBLICIDADE

Na reunião ficou definido que o prefeito Joel Rodrigues vai estender o decreto de lockdown parcial por mais quatro fins de semana. Nos dias 22 e 23; 29 e 30 de agosto; 5 e 6 de setembro; 12 e 13 fica determinado o fechamento total do comércio na cidade. As medidas mais rígidas não se aplicam aos serviços de farmácia, imprensa, serviços de saúde, autoatendimento bancário, postos de combustíveis localizados às margens de rodovias e serviços de delivery exclusivo para alimentos.

Na reunião empresários da cidade sugeriram a proibição da venda de bebida alcoólica por 14 dias  seguidos na cidade.   O Cidadeverde.com apurou que a 'Lei Seca' deve ser determinada no mesmo decreto que vai definir o lockdown parcial. O documento vai ser publicado nos próximos dias.

Atualmente Floriano está na fase 1 de retomada, com o comércio varejista aberto para o público. Ainda não estão autorizados a funcionar, exceto como delivery: bares, restaurantes, academias e consultórios odontológicos. 

O secretário de Governo de Floriano, Bento Viana, disse que não possível ainda avançar nas fases de retomada econômica, com base nos dados científicos. O gestor afirma que o lockdown parcial dos últimos fins de semana surtiu efeito e a expectativa é que os casos de coronavírus diminuam nos próximos dias. 

"Foi avaliados os impactos do lockdown  dos últimos fins de semana. O departamento técnico mostrou que surtiu efeito. Tendo em vista comparado onze dias antes do lockdown tivemos diminuição de 40% no número de casos", disse o secretário, que faz ainda um apelo para que a população respeite o isolamento social. 

O aumento no número de internações e na taxa de transmissibilidade de coronavírus  preocupa a prefeitura da cidade e autoridades sanitárias. O diretor geral do Hospital Regional Tibério Nunes, Justino Moreira, disse ao Cidadeverde.com que dos 15 leitos de UTI Covid-19 disponíveis na unidade de saúde, 13 estão ocupados. Quanto aos leitos clínicos, das 26 vagas existentes, 18 estão com pacientes. 

Desde o início da pandemia 1172 casos de Covid-19 foram confirmados em Floriano e 13 pessoas acabaram morrendo em decorrência das complicações da doença. 

O secretário de Saúde do município, James Rodrigues, está com coronavírus e não pode participar da reunião, mas também defende que o lockdown parcial seja estendido por pelo menos quatros fins de semana. 

O secretário, que testou positivo para a doença no último sábado (15), afirma que só diminuindo o contato social é possível contar o avanço do coronavírus. James Rodrigues está isolado em casa e apresenta apenas "leves" dores de cabeça. 

 


Izabella Pimentel
izabella@cidadeverde.com 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI