Após reabertura para eventos, Oeiras perde medo do vírus e vira um 'fluxo' descontrolado - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

14 de set. de 2020

Após reabertura para eventos, Oeiras perde medo do vírus e vira um 'fluxo' descontrolado




Grande parte da população da cidade de Oeiras perdeu o medo do Coronavírus. Isso é o que se ver em imagens e vídeos no qual a redação do Portal Oeiras em Foco tem acesso.

A situação estava está sob controle da Vigilância Sanitária e da Polícia Militar, e o Ministério Público que já emitiu inúmeras recomendações vedando aglomerações fora do protocolo de reabertura das atividades no estado do Piauí, mas nada disso tem funcionado nesses últimos dias.

A questão ficou pior após um decreto estadual que autorizou a retomada das atividades artísticas no estado, as prefeituras das cidades no Piauí tem editado decretos acompanhado o estadual, seguindo um cronologia como foi determinado pelo STF ainda em maio deste ano.

Aglomeração pós-convenção partidária em Oeiras (Foto: Reprodução)

Segundo o decreto estadual, junto ao decreto municipal autoriza a partir do dia 14 de setembro seguintes setores:
As atividades esportivas serão retomadas sem a presença de público expectador;
Atividades artísticas e eventos em ambientes abertos e semiabertos, o público máximo será de 100 (cem) pessoas;
Eventos na modalidade drive-in, sendo o público máximo permitido será de 1.000 (mil) pessoas; a quantidade máxima de veículos permitida será de 250 (duzentos e cinquenta), observada a distribuição máxima de 4 (quatro) passageiros por veículo.

O decreto estadual e o municipal deixam bem claro que permanecem suspensas as atividades recreativas realizadas em piscinas, balneários e assemelhados. Além de ser vedada participação de menores de 12 anos em qualquer atividade esportiva.

Festas em balneários, chácaras e casa de shows são comuns em Oeiras (Foto: Reprodução)

Mas em Oeiras o protocolo é totalmente ao contrário. Eventos sem controle de Fluxo, passeatas políticas descontroladas de todos os lados políticos, paredões animam chácaras e balneários sem controle nenhum do público, nem muito menos hora para terminar e sem nenhuma precaução para evitar a disseminação do Covid-19.

É importante ressaltar que alguns políticos se abstém desses atos, para de certo modo até ser exemplo para a população, mas o temor do povo para com a sua saúde e do próximo não faz mais parte da prioridade de discernimento.

Na moral da história, o que mais chama atenção é a falta de consciência da população, que coloca a sua saúde, a do próximo, da família em risco para se divertir de fora dos cuidados necessários. Não será nenhuma novidade se em um futuro próximo Oeiras voltar a ter uma nova onda de casos positivo para o Covid-19.

O que diz a Vigilância Sanitária

Fiscais da Vigilância Sanitária em ação (Foto: Oeiras em Foco)

A Vigilância Sanitária relatou que continua atuado para que seja cumprida as normas que constam nos protocolos higiênicos sanitários elaborados pela Vigilância Sanitária Estadual. E que espera uma maior parceria da população.

"A Vigilância Sanitária continua e vai continuar atuando juntos aos estabelecimentos comerciais e prestadores de serviço observando a adesão das normas que constam nos protocolos higiênicos sanitários elaborados pela Vigilância Sanitária Estadual. Estamos sempre em constante diálogo com os proprietários desses estabelecimentos quanto a plena adesão as regras. Seguiremos firma na nossa missão que consta na lei 8080/90 que é minimizar ou eliminar os riscos que a população está exposta. A vigilância continua em campo desenvolvendo as ações. Mas não somos uma ilha. Esperamos uma maior parceria da população", disse Lívia Rego.

O que diz a Polícia Militar

14º Batalhão da Polícia Militar do Piauí em Oeiras (Foto: Oeiras em Foco)

O 14º Batalhão da Polícia Militar, enviou uma nota ao Portal Oeiras em Foco no qual afirma que auxilia a Vigilância Sanitária e tem buscado atender as recomendações do Ministério Público.

Veja a nota completa abaixo:

"Auxilia, dentro de suas atribuições, a Vigilância Sanitária Municipal com ações no combate a proliferação do vírus COVID-19, como também busca atender as recomendações do Ministério Público visando o mesmo fim.

Todas as “denúncias” de condutas ilícitas (penais), dentre outras, ao chegarem no 14º BPM são averiguadas, de imediato, e tomadas as devidas providências legais. A população pode entrar em contato com a central de comunicações do 14º BPM pelos seguintes contatos: 190, (89) 98802-9539 e (89) 99425-5349.

A Policia Militar do Piauí, no cumprimento de sua missão constitucional, está a disposição do cidadão 24h (vinte e quatro horas) para lhe bem servir".

O que diz o Ministério Público

Prédio do Ministério Público em Oeiras (Foto: Oeiras em Foco)

O Ministério Público do Piauí, através da 2ª Promotoria de Justiça em Oeiras, relatou a nossa redação que já foram feitas inúmeras recomendações, tanto para a Vigilância Sanitária, Polícia Militar, partidos políticos e inclusive para a população sobre deveres e cuidados diante da pandemia.

O promotor Vando Marques disse ainda que isso não está atrelado somente a cidade de Oeiras e sim em todo o Brasil. "O nosso órgão é fiscalizador para que a lei seja cumprida. Já emitimos inúmeras recomendações aos órgãos competentes, partido políticos e inclusive para a população, aliás o povo é o maior responsável pela sua consciência. Sobre aglomerações, festas e eventos políticos já orientamos mas o descaso é em todo o Brasil, era importante a população ter essa consciência. Em Oeiras é pior ainda, você sabe que tudo aqui gera polarização política. Deixar claro que o MP vai continuar seu papel de fiscalização", finalizou Vando Marques.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI