Oeiras registra 5 pontos de incêndios com grandes proporções em 4 horas - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

3 de set. de 2020

Oeiras registra 5 pontos de incêndios com grandes proporções em 4 horas

 A cidade de Oeiras entrou em alerta na manhã desta terça-feira (1), após registrar cinco focos de incêndios em apenas quatro horas.

(Foto: Oeiras em Foco)

O primeiro foco de incêndio foi registrado no bairro canela logo pela manhã, por volta das 10:00 horas. Logo depois ao lado, no bairro Bodelândia, também em torno do mesmo horário. E em seguida no KM 8 da PI 143, que liga Oeiras x Colônia registrou também um incêndio da mesma proporção que ainda está em curso. Em outro extremo da cidade por volta das 12:00 horas, na BR-230 registra um outro grande foco de incêndio.

Após controlar os focos de incêndio no bairro Canela e Bodelândia, o carro da Gerência de Municipal de Meio Ambiente da cidade de Oeiras (GEMA), foi conter outro foco no Uberaba dois, bem próximo ao muro do IFPI. Lá também foi um outro incêndio de grande proporção e corria alto perigo de avançar no sentido do IFPI e incendiar uma van que estava estacionada no terreno baldio. A equipe trabalha nesse momento para tentar proteger o muro e o veículo.

'Enxuga-gelo'

Enquanto a equipe da GEMA foi para o Uberaba II apagar o fogo naquelas imediações, a redação do portal Oeiras em Foco flagrou o foco de incêndio no Canela reacendendo, e ainda mais forte que antes. O vento, o tempo quente e a baixa umidade ajudam mais ainda na disseminação do fogo.

Segundo o supervisor que acompanha a equipe da GEMA que apaga os focos de incêndios é impossível apenas um carro da conta de tantos focos de incêndio dessa maneira.

"Contamos mais com a consciência da população, para que evite este tipo de transtorno que pode virar um perigo de vida, a perda de um imóvel ou bem por exemplo", diz o supervisor.

Por que queimadas prejudicam a saúde?

A saúde humana é afetada pelas queimadas porque a fumaça proveniente dela contém diversos elementos tóxicos. O mais perigoso é o material particulado, formado por uma mistura de compostos químicos. São partículas de vários tamanhos e, as menores (finas ou ultrafinas), ao serem inaladas, percorrem todo o sistema respiratório e conseguem transpor a barreira epitelial (a pele que reveste os órgãos internos), atingindo os alvéolos pulmonares durante as trocas gasosas e chegando até a corrente sanguínea.

Outro composto prejudicial é monóxido de carbono (CO). Quando inalado, ele também atinge o sangue, onde se liga à hemoglobina, o que impede o transporte de oxigênio para células e tecidos do corpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI