Piauí reduz em 28% os casos de Covid-19 no Estado - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

9 de set. de 2020

Piauí reduz em 28% os casos de Covid-19 no Estado




O Piauí e todo o Nordeste, com exceção do Ceará, vivem uma queda no número de mortes provocadas pelo novo coronavírus. O levantamento do consórcio de veículos de imprensa, a partir de dados das secretarias estaduais de saúde, mostram que o Piauí reduziu a curva de mortes em -28% quando comparado com os números de 15 dias atrás.


O levantamento mostra que o Ceará é o único Estado do Nordeste com crescente no número de casos, com 5% a mais que as últimas duas semanas. O Maranhão, embora tenha sido um dos primeiros a adotar a reabertura das atividades, está com -18% de redução.

O campeão de regressão no número de mortes é Rio Grande do Norte, com -57%. Depois vem Sergipe (-48%) e Bahia (-42%). O Norte do país, por outro lado, está em situação menos confortável. Amazônia (213%) e Roraima (38%) ainda sofrem com “boom” de infecções pela doença.

Nas últimas 24 horas foram registrados, no Piauí, 938 casos confirmados e nove óbitos pelo novo coronavírus, segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite de terça-feira (8). Dos 938 casos confirmados da doença, 541 são mulheres e 397 homens, com idades que variam de sete meses a 101 anos.


Dos 224 municípios do estado apenas Canavieira não foi atingida pela pandemia. A Covid-19 está presente em 99,6% do território piauiense. O Piauí possui 83.502 casos confirmados do novo coronavírus e 1.924 óbitos registrados pela doença, em 166 municípios. Deste total, morreram 1.106 homens e 818 mulheres.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 546 ocupados, sendo 339 leitos clínicos, 205 UTIs e 2 leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 3.798 até o dia oito de setembro. A Sesapi estima que 81.032 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI