Início da vacinação pode ser antecipado, diz secretário de Vigilância em Saúde - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

7 de jan. de 2021

Início da vacinação pode ser antecipado, diz secretário de Vigilância em Saúde

 


O secretário de Vigilância em Saúde Arnaldo Medeiros, em entrevista à CNNO secretário de Vigilância em Saúde Arnaldo Medeiros, em entrevista à CNNFoto: CNN

Em entrevista exclusiva à CNN nesta quinta-feira (7), o secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Medeiros, afirmou que existe a possibilidade de a imunização da população brasileira começar antes de 20 de janeiro.

"A data pode ser antecipada desde que nós tenhamos a chegada das doses e a liberação para a distribuição no Brasil", afirmou. "Mas a gente tem trabalhado para que, a partir do dia 20 de janeiro, nós começaremos a vacinar a população brasileira", sublinhou.

No primeiro momento, 14,8 milhões de pessoas receberão as vacinas. Até o momento, no entanto, o Brasil conseguiu garantir 8 milhões de doses - 2 milhões da vacina Oxford/AstraZeneca e 6 milhões da Coronavac.


"As salas de vacinação já estão prontas, aptas a receber a vacina e a gente consegue sim disponibilizá-la para todo o território nacional", confirmou Medeiros.

Para que a primeira parte do grupo prioritário seja vacinada dentro do prazo, é preciso que mais de 700 mil brasileiros recebam doses diariamente. Segundo o secretário, os postos de vacinação deverão funcionar no horário já praticado durante dias úteis e aos finais de semana, mas isso pode ser ampliado.

"Estamos em tratativas com o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), que são nossos parceiros na ponta, na atenção básica", explicou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI