Triângulo das Bermudas interfere no campo magnético da Terra - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

19 de mar. de 2021

Triângulo das Bermudas interfere no campo magnético da Terra

 Já faz anos que a ciência tenta compreender os mistérios do Triângulo das Bermudas. Através de diversos estudos, então, a NASA fez uma nova descoberta sobre a curiosa região, localizada entre Miami, Bahamas e Porto Rico, segundo a IstoÉ.

De acordo com os cientistas da agência espacial, descobriu-se que, além de inusitado, o Triângulo ainda gera um ponto fraco no campo magnético do planeta entre a América do Sul e o sul do Oceano Atlântico. Tal anomalia teria o tamanho dos Estados Unidos.

Satélite em órbita na Terra (Foto: reprodução)

Com isso, segundo os pesquisadores, a chamada Anomalia do Atlântico Sul (AAS) cria uma concentração de radiação “mais intensa do que em qualquer outro lugar em órbita”, que acaba atingindo os satélites sempre que eles passam pela região.

Nos primeiros dias que a Estação Espacial Internacional (ISS) entrou em órbita, por exemplo, a AAS acabou bloqueando os computadores de bordo, fazendo com que as agências espaciais responsáveis tivessem de desligar seus sistemas.

Enquanto isso, astronautas narram que, sempre que passam pela zona onde o campo magnético terrestre é mais fraco, acabam vendo estranhas luzes brancas piscantes. O problema, segundo Weijia Quang e Andrew Tangborn, ambos da NASA, contudo, é que a área da AAS está se movendo e se ampliando rapidamente com o tempo.

Sendo assim, de acordo com os cálculos dos cientistas, pode ser que a anomalia aumente cerca de 10% em relação aos últimos registros, feitos em 2019. Por isso, inclusive, os especialistas buscam novas formas de proteger os astronautas que devem passar pela inusitada zona do Triângulo das Bermudas, que segue bastante misteriosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI