Embaixador da China anuncia novos lotes do IFA em reunião com governadores - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

20 de mai. de 2021

Embaixador da China anuncia novos lotes do IFA em reunião com governadores



Em reunião com o Fórum de Governadores nesta quinta-feira (20), o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, anunciou a liberação de novos lotes do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), para a produção de 16,6 milhões de doses das vacinas da Coronavac e da AstraZeneca. O governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias, participou do encontro on-line.

O anúncio foi divulgado nas redes sociais do embaixador, que adiantou que a remessa do insumo chegará nos próximos dias no país. “Na conversa com o Fórum dos Governadores informei a liberação dos novos lotes de IFA pra produzir no total 16. 6 milhões de doses da Coronavac e Vacina AstraZeneca, que chegarão no Brasil nos próximos dias. A China, fraterna com o povo brasileiro, está comprometida em parceria de vacinas”, escreveu.

Fórum dos Governadores em reunião com o embaixador da China (Foto: Redes Sociais)


O encontro teve como objetivo discutir o cronograma de entrega IFA ao Instituto Butantan e à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), para fabricação de vacinas em solo brasileiro, que chegou a paralisar a produção na semana passada pela falta do insumo.

“Temos um respeito e uma gratidão pela China, em especial ao embaixador Yang Wanming. A reunião de hoje é uma busca de parcerias por mais vacinas para o Brasil e para o Piauí. Temos uma pauta em comum e vamos seguir ampliando nessa relação. Acertamos com o embaixador um trabalho conjunto para que tenhamos várias vacinas e um cronograma de entrega do IFA para garantir que até agosto possamos vacinar todo o grupo de maior risco no Brasil. Também veremos um encontro, na China, para tratarmos, além da vacina, sobre a relação bilateral”, disse Wellington Dias.


Wellington Dias em reunião com o embaixador da China (Foto: Jorge Bastos/ Ccom)

O Governador de São Paulo, João Doria, ressaltou a importância da parceria com o país e de ter mais vacinas para evitar um novo recorde de mortes por Covid-19 no Brasil. “Se não tivermos mais vacinas a previsão é que cheguemos rapidamente a 650 mil mortos no Brasil, a maior tragédia da história desse país e do continente latino americano. A China tem sido solidária e esta é uma questão humanitária, uma vacina pode salvar uma ou mais vidas. Portanto, faço aqui o apelo, precisamos dos insumos para a produção da vacina e precisamos da ajuda da China para que isso possa ser liberado imediatamente”, enfatizou o governador de São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI