Lázaro Barbosa foi morto com quase 40 tiros em confronto com a polícia - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

29 de jun. de 2021

Lázaro Barbosa foi morto com quase 40 tiros em confronto com a polícia



Lázaro Barbosa, 32 anos, foi morto com pelo menos 38 disparos, na manhã desta segunda-feira (28/6), após trocar tiros com policiais em uma mata situada nas imediações da casa da ex-sogra, em Águas Lindas (GO). A informação foi confirmada pelo secretário de Saúde do município, Rui Borges. “Quando ele chegou [ao hospital], já estava sem vida. Nós contamos 38 marcas de tiro. É um cálculo aproximado ainda”, ponderou.

Segundo o secretário, geralmente as pessoas mortas no município são enviadas ao Instituto Médico-Legal (IML) de Luziânia (GO). Como caso é de grande repercussão, no entanto, o corpo de Lázaro passará por necrópsia no IML da capital, Goiânia.


Lázaro sendo carregado por policiais após confronto - Foto: ReproduçãoOs advogados da família Vidal, vítima da chacina ocorrida no dia 9 de junho, no Incra 9, estiveram, nesta segunda-feira (28/6), na base de operações da força-tarefa, em Girassol (GO) após receberem a informação sobre a morte de Lázaro.


De acordo com Fábio Alves, um dos representantes da defesa, os parentes receberam a informação com muito alívio.

"Não há o que se comemorar quando acontece uma morte. A família se sente mais tranquila. Sabemos muito bem que Lázaro não agia sozinho. Há pessoas dando cobertura. Financiaram os crimes que Lázaro cometia. A gente vai deixar a polícia trabalhar e temos a certeza que eles vão achar os demais comparsas que ajudaram Lázaro.”


Ainda segundo Alves, a defesa acredita em várias possibilidades para a motivação dos crimes. “Briga por terras, crimes cometidos para comprar áreas mais baratas, vingança. Tudo isso vai ser apurado para um desfecho da polícia”, concluiu.

Lázaro é suspeito de matar Cláudio Vidal de Oliveira, 48 anos, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15. Ele ainda sequestrou Cleonice Marques de Andrade, 43 anos, esposa de Cláudio e mãe das outras vítimas.




O corpo de Cleonice foi encontrado dias depois, em um matagal. O cadáver estava sem roupa e com um corte nas nádegas, em uma zona de mata perto da BR-070

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI