Instituto Butantan autoriza envio de 200 mil doses de Coronavac para o Piauí - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

22 de set. de 2021

Instituto Butantan autoriza envio de 200 mil doses de Coronavac para o Piauí

 

 

O governador de São Paulo, João Doria, e o Instituto Butantan anunciaram agora há pouco que vão enviar 200 mil doses da Coronavac para o estado do Piauí. 

Participam da solenidade em São Paulo, os governadores Wellington Dias (PT), Camilo Santana (Ceará), Helder Barbalho (Pará) e Renato Casagrande (Espírito Santo). 

Em coletiva, Wellington Dias destacou que são governadores de diversos partidos e que estão unidos pelo “pacto para salvar vidas”. 

“Seguir a ciência é o que nos une e com compromisso com o PNI (Programa Nacional de Imunização).

O governador do Piauí ressaltou que vem pessoalmente cobrando a liberação de mais vacinas, devido a defasagem das doses e vem enfrentando obstáculos. 

As doses da Coronavac são para reforçar a vacinação da primeira e segunda dose. 

 

Matéria original

O governador Wellington Dias (PT) se reúne na manhã de hoje (22) com o Instituto Butantan e o governador João Doria (PSDB) para tratar sobre a compra direita de vacinas Coronavac. 

Vários chefes do poder executivo participam da reunião em São Paulo. O governo do Piauí pretende comprar 500 mil doses da Coronavac para ampliar a vacinação no estado. Participam da reunião o secretário Estadual de Saúde, Florentino Neto e os governadores Camilo Santana (Ceará), Helder Barbalho (Pará) e Renato Casagrande (Espírito Santo). 

Hoje, devido as negociações mais avançadas, o governador de São Paulo realiza a entrega de doses de vacinas CoronaVac/Sinovac, produzidas pelo Butantan, ao governador Camilo Santana. As doses serão encaminhadas ao Ceará e distribuídas entre os municípios do Estado. 

O governo do Piauí já elaborou um termo de cooperação e já encaminhou ao Ministério da Saúde para a compra direta dos imunizantes.

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi) quer destinar parte da Coronavac para incrementar a vacinação dos adultos e idosos e usar o imunizante Pfizer para os adolescentes de 12 a 17 anos. 

Foto: Ascomgovernodopiaui

 

Aguarde mais informações

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI