Mulher atingida por policial militar não corre risco de vida - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

1 de jan. de 2020

Mulher atingida por policial militar não corre risco de vida

A mulher de iniciais J.A.S, de 50 anos, baleada pelo ex-companheiro na noite dessa segunda-feira (30) no bairro Três Andares, zona Sul de Teresina, não corre risco de vida. A vítima, que foi atingida com um tiro na virilha, se encontra no Hospital de Urgência de Teresina.
O suspeito do disparo é o policial militar identificado apenas como Zilmar, ex-companheiro da vítima e que não aceita o fim do relacionamento. Ele é lotado no 1º Batalhão da Polícia Militar.
O comandante do Batalhão, Tenente-coronel Maurício de Lacerda, afirmou ao O DIA que a mulher foi baleada, socorrida por familiares e levada ao HUT. “O tiro foi na virilha. Em contato com o hospital já na manhã desta terça-feira fui informado que o quadro é estável e ela não corre risco de morte”, disse.
A vítima foi baleada na virilha e se encontra fora de risco no Hospital de Urgência de Teresina (Foto: Aquivo O DIA)
O policial militar suspeito da tentativa de feminicídio está foragido. O comandante Lacerda declarou que desde a noite de ontem policiais realizam diligência para localizar o PM. “Nossas equipes desde o momento do acontecido estão em campo para prender o PM suspeito. Na manhã de hoje já realizamos novas diligências”, afirmou.
A corregedoria da Polícia Militar do Piauí foi informada da conduta o policial e afirmou que pretende instaurar procedimento administrativo. A Delegacia de Feminicídio vai conduzir o inquérito para apurar o caso. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI