Com Covid-19, Cauan apresenta 'importante melhora clínica' e pai do músico evolui bem - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

22 de ago. de 2020

Com Covid-19, Cauan apresenta 'importante melhora clínica' e pai do músico evolui bem

 Foto: Reprodução/instagram

Novo comunicado divulgado neste sábado (22) pela assessoria de imprensa de Cauan Máximo, 38, informa que o sertanejo, diagnosticado com a Covid-19, apresentou "importante melhora clínica e também dos exames de sangue". O sertanejo, que faz dupla com Cleber, continua em estado grave, na UTI, mas estável, ainda de acordo com a nota.

"Mantém-se em oxigenioterapia contínua (24h por dia), usando máscara de VNI e CAF para auxiliar na respiração. Deve fazer nova tomografia amanhã", esclareceu o documento, que informa, ainda, que o pai de Cauan, João Luiz Máximo "também evoluiu bem, continua na UTI, mantém-se dependendo de oxigenioterapia contínua (24h por dia), usando máscara de VNI".

Shirley Máximo, mãe de Cauan, também foi diagnosticada com Covid-19, mas com sintomas leves e apresentando apenas 10% de comprometimento pulmonar causado pelo vírus. "Ela também teve que ser internada, mas em apartamento fazendo uso de vários medicamentos e fisioterapia. Ela está estável e respirando sem necessidade de oxigênio", informa o comunicado.

No Encontro com Fátima Bernardes (Globo) desta quinta feira (20), o irmão de Cauan, Fernando Máximo, disse que os exames laboratorais do sertanejo se mantiveram estáveis nos últimos dias, o que é uma grande conquista. "Graças a Deus houve uma discreta melhora na imagem tomográfica, que apresentava 75% de comprometimento no sábado, e na madrugada de terça-feira foi feita uma nova tomografia que apresentou 60 a 65% de comprometimento pulmonar."

A namorada do cantor, Mariana Moraes, também teve diagnóstico de Covid-19. Segundo Fernando, que é médico, Cauan não sabe como e nem quando ficou exposto ao vírus. "É muito díficil de saber realmente como pega", explicou. "Eu já passei por isso, tive o vírus no mês passado, estava na mesma situação, internado na UTI."

Fernando conta que sempre compartilha sua experiência com Cauan para incentivá-lo. "Eu digo para ele: 'Irmão, vai para cima, vai dar certo, vamos colaborar com todo o tratamento, e da mesma forma que eu fui curado você vai ser também'".

 

Fonte: Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI