TRT encontra mais de R$ 8 milhões “esquecidos” em contas judiciais no Piauí - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

24 de mar. de 2021

TRT encontra mais de R$ 8 milhões “esquecidos” em contas judiciais no Piauí

 Foto: Google Maps

A Corregedoria do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região (TRT 22), por meio do Projeto Garimpo, identificou R$ 8.754.635,16 que foram “esquecidos” em contas judiciais de empresas e trabalhadores.

 O valor é referente a depósitos feitos em processos que acabaram sendo arquivados e os beneficiários (partes, advogados, peritos) nunca resgataram esses valores. Ao todo, foram analisadas 6.599 contas e 6.167 processos, a maioria do Piauí.

Após ter o montante destinado aos seus respectivos beneficiários, R$ 122.637,90,  foram convertidos pela Corregedoria em renda para a União. Pela norma, se os valores encontrados não forem resgatados em até dez anos, os mesmos serão destinados à União. Desta vez os recursos serão investidos no  combate à Covid-19 no Brasil.

O Sistema Garimpo faz a filtragem de depósitos judiciais relacionados a processos arquivados anteriores a fevereiro de 2019, permitindo o cruzamento de dados de processos arquivados com informações do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.    No TRT 22 quem comanda o Projeto Garimpo é   o desembargador corregedor Francisco Meton Marques de Lima.

 “Para viabilizar a utilização do Sistema Garimpo, o TRT 22 criou, através de um ato normativo, um Grupo de Apoio às Varas do Trabalho (GAVT). O grupo é composto por um juiz, um diretor e um servidor, além da Corregedoria, que tem a missão de operacionalizar os processos associados a contas judiciais ativas relacionados a processos arquivados. Com esse projeto, passamos a procurar esses processos e os beneficiários para que recebam os valores devidos”, explicou Marcela Coelho, Secretária da Corregedoria do TRT 22.


Izabella Pimentel
Com informações do TRT  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI