Duas crianças são encontradas com lesões e olho inchado de pancada; Polícia investiga - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

13 de abr. de 2021

Duas crianças são encontradas com lesões e olho inchado de pancada; Polícia investiga

 


Imagem obtida pelo Cidadeverde.com


Duas crianças foram agredidas, supostamente pelo padrasto, nesta segunda-feira (12) no residencial Dilma Rousseff, zona Norte de Teresina. Uma das crianças de apenas 8 meses teria tido uma luxação no braço e a outra de quatro anos teria sido agredida a pauladas e com murros. 

O portal Cidadeverde.com teve acesso a uma imagem que mostra o menino com o olho esquerdo roxo, inchado, parcialmente sem visão devido o inchaço. Ele está com lesão no corpo e com a pele avermelhada.  

Com o crime foi na noite de ontem, a ocorrência foi encaminhada para a Central de Flagrantes e será investigada pela DPCA (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente). 

De acordo com o conselheiro tutelar, Teleno Nobre, a denúncia chegou ao plantão do Conselho da zona Norte através das redes sociais, depois que a mãe foi até o hospital com o bebê e o padrasto teria ficado em casa com os outros dois meninos, um de quatro e outro de seis anos. 

“O fato demorou muito a chegar para gente, depois que populares bateram no padrasto, por ele já ter agredido a segunda criança. As agressões ocorreram nas últimas 24 horas, quando a mãe, que também é provedora havia saído. Ele disse que o bebê caiu da cama e ela o levou para hospital e neste intervalo suspeitamos que tenha agredido o segundo”, explicou o conselheiro tutelar. 

Teleno disse que a polícia só foi acionada depois que tudo aconteceu. “O conselho foi lá com a Guarda Municipal e só depois a polícia foi acionada. O agressor está foragido, depois que a população tentou agredi-lo”. 

O Conselho investiga ainda se a mãe também sofria violência doméstica. “Encaminhamos para a polícia, para que seja investigado se há violação dos direitos por completo, com violência contra a mulher já que ela tinha manchas roxas nas pernas e relatou, que ele já havia a ameaçado de morte”, declarou Teleno Nobre. 

Ainda segundo o conselheiro, a mulher convivia com o companheiro há cerca de três meses. 

A polícia está à procura do padrasto que está foragido. A mãe e as crianças foram retiradas de casa e estão sob proteção do Conselho Tutelar. 

 

Aguarde mais informações


Caroline Oliveira
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI