Deputado lamenta veto presidencial que pode prejudicar 2,3 mil empresas do Piauí - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

12 de mai. de 2021

Deputado lamenta veto presidencial que pode prejudicar 2,3 mil empresas do Piauí

 oto: Alepi

F

O deputado estadual Paulo Martins (PT) vai solicitar que a Assembleia Legislativa do Piauí encaminhe requerimento à bancada federal piauiense em Brasília para que derrube o veto presidencial a alguns artigos previstos no Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse), voltado para as empresas de eventos e turismo, bastante impactadas pela pandemia do novo coronavírus. Segundo o paralmentar, mais de 2 mil empresas do setor serão prejudicadas no Piauí.

Paulo Martins criticou o presidente Jair Bolsonaro por vetar o trecho que previa indenização às empresas do setor que tiveram perda superior a 50% do faturamento entre 2019 e 2020. O benefício estava previsto no artigo 6º do texto original aprovado pelo Congresso Nacional em abril. O projeto destinava até R$ 2,5 bilhões do orçamento federal para indenizar as empresas.

"Há mais de um ano que a pandemia tem causado efeitos devastadores nos setores de turismo e de eventos, que possuem uma cadeia enorme de produtos e serviços e todos estão parados desde o início da pandemia. A indenização era bastante aguardada pelos empresários, que agora estão frustrados e sem sabe o que fazer", frisou o parlamentar.

O Perse visa beneficiar empresas de hotelaria em geral, cinemas, casas de eventos, casas noturnas, casas de espetáculos e empresas que realizem ou comercializem congressos, feiras, feiras de negócios, shows, festas, festivais, simpósios ou espetáculos em geral e eventos esportivos, sociais, promocionais ou culturais, além de entidades sem fins lucrativos.

Fonte: Alepi

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI