São Paulo identifica primeiro caso de variante do coronavírus - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

26 de mai. de 2021

São Paulo identifica primeiro caso de variante do coronavírus


A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, através do Instituto Adolfo Lutz, identificou um caso com a variante indiana do coronavírus, chamada de B.1.617. A informação foi confirmada pelo governo estadual na manhã desta quarta-feira (26).




Segundo o Instituto, trata-se de um passageiro de 32 anos, morador de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, que desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos no dia 22 de maio.




Ainda de acordo com o governo de SP, não há registros de um caso autóctone (contaminação local) da variante no estado. O passageiro foi identificado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), responsável pelo monitoramento no aeroporto.


Imagem: Reprodução/Internet




Entretanto, a gestão estadual afirma que só foi notificada pela Anvisa quando o passageiro já havia embarcado em voo doméstico para o Rio de Janeiro. A amostra positiva foi enviada ao Lutz e o sequenciamento finalizado nesta quarta-feira (26).




Em nota, a Anvisa alega que o passageiro, quando passou pelos controles da Anvisa no Aeroporto de Guarulhos, estava negativado, tendo apresentado PCR negativo realizado nas últimas 72h e não apresentava sintomas.




O governo afirma que após ser comunicado pela Agência, a Secretaria de Estado de Saúde iniciou, juntamente com o município, as medidas de vigilância epidemiológicas necessárias.




Foi solicitada a lista completa dos passageiros do voo, além dos nomes de todos os funcionários do aeroporto, laboratório e dos contatos do passageiro para isolamento e monitoramento.


Variantes do Coronavírus




O Instituto Adolfo Lutz e do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) afirmam que foram encontrados 375 casos autóctones de três variantes até 26 de maio:


1 confirmação de B.1.617.2 (caso de Campos dos Goytacazes (RJ) – não há registro de um caso autóctone desta linhagem em SP)
3 confirmações de B.1.351
15 confirmações de B.1.1.7
356 confirmações de P.1
Até o momento, não há notificação oficial da variante P4

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI