Mourão sobre caçada a serial killer: “É igual a buscar leão na selva” - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

18 de jun. de 2021

Mourão sobre caçada a serial killer: “É igual a buscar leão na selva”



Ao comentar o caso do criminoso Lázaro Barbosa, de 32 anos, procurado pela polícia em Goiás há 10 dias, o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) afirmou, na manhã desta sexta-feira (18/6), que não é fácil encontrá-lo em “mato cerrado”. Segundo ele, “é igual a buscar leão na selva”.

Lázaro é suspeito de ter cometido vários crimes no Distrito Federal, incluindo a chacina de uma família, e em outros estados. As polícias do DF e de Goiás montaram uma força-tarefa para encontrá-lo.


Lázaro é suspeito de ter cometido vários crimes no Distrito Federal, incluindo a chacina de uma família - Foto: Montagem/MN

''Tropa especializada''

"A polícia tem tropa especializada, principalmente a área em que ele está, de mato cerrado, não é simples você achar uma pessoa. Uma área larga, você tem que isolar. Primeiro, se faz um cerco longo, depois você vai dividindo por quadrante e vai vasculhando até achar o cara. É igual a buscar leão na selva, vai batendo mato, operação demorada”, explicou.

Segundo o site Metrópoles, nessa quinta-feira (18/6), 20 homens da Força Nacional de Segurança foram encaminhados para o Entorno do DF. O ministro da Justiça, Anderson Torres, ligou para o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, e ofereceu a ajuda federal.

Polícia entra no 10º dia de buscas

O secretário de segurança pública de Goiás, Rodney Miranda, afirmou que o serial killer Lázaro Barbosa possivelmente está ferido. Nas buscas da força-tarefa, foi encontrado um pano ensanguentado pela mata. “Nosso cão farejador farejou ele. Possivelmente, ele esteja ferido”, relatou Miranda em coletiva para a imprensa na noite desta quinta-feira (17).







Segundo o secretário, o criminoso de 32 anos foi avistado por duas vezes nesta quinta e chegou disparar contra os policiais em um milharal, mas nenhum agente ficou ferido. Testemunhas relatam ter ouvido aproximadamente 50 disparos.

Polícia encontra vela com nome de Lázaro na mata

O secretário lembrou que última vez em que o psicopata esteve em fuga, na Bahia, ele ficou por 15 dias sem comida e só foi encontrado por estar ferido. Segundo o secretário, os policiais encontram uma vela com nome de Lázaro dentro de mata onde ele se escondeu. Os militares goianos localizaram ainda uma rã desossada, deixada ao lado de um fação. Parte do animal estava comida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI