W. Dias cobra inclusão da Sputnik no Plano Nacional de Imunização - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

20 de jul. de 2021

W. Dias cobra inclusão da Sputnik no Plano Nacional de Imunização


Presidente do Consórcio Nordeste e coordenador do Fórum de Governadores do Brasil para o tema vacina, Wellington Dias encaminhou ofício ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, tratando sobre a disponibilização da vacina Sputnik-V para o Plano Nacional de Imunização (PNI).

A importação excepcional da vacina foi aprovada pela Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), no último dia 4 de junho de 2021. No documento, o Consórcio Nordeste oferta ao Ministério da Saúde a incorporação das doses adquiridas no Plano Nacional de Imunização.


Segundo o governador Wellington Dias, a tardia decisão da ANVISA que, apenas após decisão do Supremo Tribunal Federal, autorizou de forma excepcional a importação e o uso da vacina Sputnik-V é fruto de árdua luta dos Estados Nordestinos e de outras regiões que, desde o início de 2020, tem empenhado esforços hercúleos no combate à pandemia, não só na redução da transmissibilidade, do adoecimento e da hospitalização, mas também para a aquisição, distribuição e no apoio aos Municípios na aplicação das vacinas disponíveis.


Governador pediu em ofício a inclusão da Sputnik no PNI

Sputnik foi adquirida sem intermediários

"A vacina Sputnik-V foi adquirida pelos Estados integrantes do Consórcio Nordeste diretamente do Russian Direct Investment Fund (RDIF), sem intermediários, com cronograma de fornecimento que assegura entregas imediatas em quantitativos que permitem a ampliação da imunização da população brasileira. Sem o retardo no processo de autorização e sem as arbitrárias condições restritivas impostas, que não consideram a situação calamitosa vivenciada pelos brasileiros e brasileiras que choram mais de 500mil mortes pela Covid-19, já teríamos vacinado com a Sputnik-V mais de 37 milhões de brasileiros de acordo com o cronograma originalmente pactuado neste mês de julho", cita o governador no documento enviado ao ministro Marcelo Queiroga.

O Consórcio Nordeste mantém a posição de inclusão deste imunizante no Plano Nacional de Imunização, por entender ser este extremamente necessário para a ampliação da vacinação em nosso país.


O governador declarou que ficou surpreso com repercussão na imprensa em todo o Brasil de que o ministro Queiroga teria afirmado que o Pais teria quantitativo suficiente de vacinas e não haveria necessidade da Sputnik.

Nesta quinta-feira, 21, às 14h, haverá reunião do Consórcio Nordeste com o Fundo Soberano Russo para tratar sobre cronograma de chegada das vacinas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI