Alana Maldonado leva ouro inédito, e Meg é bronze no judô das Paralimpíadas - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

29 de ago. de 2021

Alana Maldonado leva ouro inédito, e Meg é bronze no judô das Paralimpíadas



Alana Maldonado se tornou a primeira brasileira campeã paralímpica de judô neste domingo. Prata na Rio 2016, a atleta de 26 anos confirmou o favoritismo de ser a atual campeã mundial e conquistou o ouro da categoria até 70kg em Tóquio.

Foram duas vitórias por ippon até o triunfo por waza-ari na final contra Ina Kaldani, da Geórgia. O judô das Paralimpíadas é disputado entre pessoas com deficiência visual.

Alana Maldonado festeja medalha de ouro em Tóquio — Foto: Mikihito Matsui/CPB


E o Brasil voltou ao pódio do Budokan com o bronze de Meg Emmerich na categoria acima de 70kg. A brasileira de 34 anos havia sido bronze também no Mundial de 2018 e agora se torna também medalhista paralímpica.

Lenda da modalidade, Antônio Tenório ficou perto do sétimo pódio na carreira, mas tomou uma virada e perdeu a disputa do bronze no golden score.

Meg Emmerich é bronze no judô das Paralimpíadas — Foto: Mikihito Matsui/CPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI