TJ-PI: processos judiciais e administrativos serão agilizados no Piauí - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

3 de ago. de 2021

TJ-PI: processos judiciais e administrativos serão agilizados no Piauí

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI), desembargador José Ribamar Oliveira, explicou que os processos judiciais e administrativos que tramitam em meio físico terão os prazos processuais agilizados e foram retomados no dia 01 de julho. O gestor eleito ainda falou dos desafios de sua gestão para o biênio 2021/2022 frente à modernização digital do órgão.

"Produzimos ações que viessem a não permitir a queda na produtividade. Em 2021 conseguimos avançar com relação à quantidade de processos em andamento, avançamos com relação à tecnologia da informação e conseguimos implementar a aquisição de equipamentos e softwares para desenvolver com segurança a prestação do nosso trabalho e para a sociedade", afirmou em participação na gravação do programa Gente e Negócios no GMNC.


O presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI), desembargador José Ribamar Oliveira- Foto: Raisa Morais


Sobre o julgamento dos processos, o presidente ressalta que o TJ-PI já avançou na tramitação. "Estamos encurtando os procedimentos, estamos avançando e desde que chegamos em janeiro no Tribunal já conseguimos avançar seis meses no processo que duraria três anos e isso já é um ganho", considerou.

Balcão Virtual

Por conta do período pandêmico, o serviço do Balcão Virtual, regime de teletrabalho, continuará atendendo suas demandas em todo o Piauí. "É um atendimento à distância, os advogados não precisam se deslocar até o Tribunal, o serviço está presente em todas as unidades e vamos implementar até em cartórios no Piauí", explica o desembargador .

Atividades presenciais

Portaria publicada pela Presidência do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) determinou o retorno do trabalho presencial em cada Unidade Judiciária, em 1º de julho, devendo funcionar com 50% do efetivo por dia, ficando os demais servidores no regime de teletrabalho.

"Essa é uma imposção do TJ, se temos 70% de pessoas aptas a trabalhar eles se juntam e dividem o presencial, isso ocorrerá em forma de rodízio ja neste mês, a meta é voltarmos todos nós", aponta José Ribamar Oliveira.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI