Comesse o dia bem informado 30 de maio de 2019 resumo das principais noticias - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

30 de mai de 2019

Comesse o dia bem informado 30 de maio de 2019 resumo das principais noticias




Resultado de imagem para imagen de dfO brasileiro terá hoje uma estimativa de como anda a economia do país, com a divulgação dos dados do primeiro trimestre do PIB. Analistas esperam um resultado ruim. O STF decidirá se o governo pode vender estatais sem a autorização do Congresso. Aprovada na Câmara, a MP que altera o Código Florestal está condenada, pois o presidente do Senado antecipou que não pautará a medida, que vai perder validade na segunda-feira. Em São Paulo, o ex-presidente dos EUA, Barack Obama, dará uma palestra em evento concorrido. Veja também as detentas que fizeram poesia em sarau de três anos e as estreias nos cinemas.
Deputados reunidos no plenário da Câmara durante a sessão desta quarta-feira (29) — Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados




PIB




Sai hoje o resultado do primeiro trimestre do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia. Analistas esperam um resultado ruim.


Em 2018, o PIB cresceu 1,1%: em valores correntes totalizou R$ 6,8 trilhões. O desempenho da economia brasileira no ano foi decepcionante diante das expectativas iniciais.


O G1 vai repercutir os dados do PIB com textos, fotos, vídeos e personagens.




Venda de estatais






Na prática, os ministros vão decidir se referendam ou derrubam uma decisão liminar (provisória) concedida pelo ministro Ricardo Lewandowski no ano passado. Pela decisão do ministro, o governo não pode vender estatais sem o aval do Poder Legislativo.




Código Florestal




Por 243 votos a 19, a Câmara dos Deputados aprovou ontem a medida provisória 867, que altera o Código Florestal. O texto segue para o Senado Federal. Mas o presidente da Casa, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) afirmou que não pautará a MP, que perde a validade na próxima segunda-feira (3).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI