Primeiro preso no PI em suspeita de compra de voto é de Elesbão Veloso PI - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

6 de nov. de 2020

Primeiro preso no PI em suspeita de compra de voto é de Elesbão Veloso PI


O trabalho dos órgãos fiscalizadores segue a todo vapor no intuito de garantir um pleito limpo no Piauí. Neste âmbito, para coibir ilícitos eleitorais, o Ministério Público Eleitoral e a Polícia Civil deflagraram uma operação em Elesbão Veloso para apurar a suposta compra de votos no município, desencadeando em uma prisão. 

Informações colhidas pela reportagem dão conta que a pessoa presa é o senhor conhecido apenas como 'Moisés', forte cabo eleitoral e apoiador do candidato à Prefeitura do município Rafael Barbosa (Progressistas), que é apoiado pelo atual prefeito do município Ronaldo Barbosa (PTB). 

Procurado pela reportagem, o Promotor de Justiça da Comarca de Elesbão Veloso e da 48ª zona eleitoral, José Willian Pereira Luz confirmou a operação, mas indicou que o processo segue em sigilo, não fornecendo mais detalhes sobre a ação, nem mesmo o nome dos envolvidos. 

Ministério Público e Polícia Civil deflagram operação em Elesbão Veloso (Reprodução)


"Informo que houve uma operação conjunta entre o Ministério Público e a Polícia Civil para apurar a suposta compra de votos no município de Elesbão Veloso, essa operação foi deflagrada e houve a prisão de uma pessoa com dinheiro, lista de eleitores e favorecidos por benefícios vinculados a questão da votação, o processo ainda está sigiloso, houve a prisão dessa pessoa que ainda se encontra presa aguardando decisão judicial e o processo encontra-se sob sigilo, portanto o Ministério Público não tem como neste momento pontuar detalhes mais específicos", indicou. 


Diante do caso, desde ontem, 05 de novembro, há movimentação intensa na delegacia onde o preso aguarda uma decisão judicial para sua liberação. Nisto, o juiz João de Castro informou que está analisando o caso. "Houve uma representação por parte do MPE e determinei a busca e apreensão, daí seguindo-se com a prisão em flagrante. Estou analisando o caso", afirmou. 


Procurado pela nossa reportagem o advogado da Coligação Unidos pela Mudança Aloísio Lima Verde parabenizou o Ministério Público. 

“Apesar dos rumores que sempre houveram na cidade compra indiscriminada de votos , vemos com surpresa essa evidência tão forte de compra de votos . Parabenizamos a ação do Ministério Público que tem sido tão atuante em nossa cidade e reiteramos que nosso candidato Dr Cleriston, segue fazendo uma campanha limpa e de apresentação de propostas, como ele pregou desde o primeiro dia da eleição” afirmou Aloysio.

O advogado da coligação 'Unidos por Elesbão', Ícaro Moura, foi contactado, e o mesmo não respondeu as mensagens e ligações feitas. Assim que houver um posicionamento da coligação sobre o caso, ele será incluído no texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI