Dr. Pessoa libera música em bares até meia noite e shopping até 22h - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

30 de jan. de 2021

Dr. Pessoa libera música em bares até meia noite e shopping até 22h


A prefeitura de Teresina publicou na noite de sexta-feira (29), decreto municipal que dispõe sobre as medidas sanitárias para enfrentamento à pandemia de coronavírus na capital piauiense. O decreto tem validade até o dia 21 de fevereiro deste ano. O novo decreto não estabelece lockdown, mas redução no horário de funcionamento das atividades econômicas.


O decreto assinado pelo prefeito de Teresina, Doutor Pessoa (MDB), prevê que bares e restaurantes poderão funcionar até meia noite, com permissão para música ao vivo e instrumental, mas sem dança. A Prefeitura de Teresina manteve o horário de funcionamento normal dos shoppings centers das 10h às 22h. No caso do comércio geral, o limite diário de funcionamento será de 9h, devendo o estabelecimento informar à Superintendência de Desenvolvimento Urbsni de sua região qual será esse intervalo. 

Já as atividades essenciais como hospitais, supermercados, farmácias, postos de combustíveis, bancos, lavanderias, academias e templos religiosos poderão funcionar normalmente seguindo as orientações do protocolo sanitário do município.

Prefeito Dr. Pessoa divulga decreto municipal flexibilizando comércio e setor de entretenimento em Teresina


A legislação adequa o decreto do governo do Estado publicado na última terça-feira (26) às necessidades da cidade de Teresina. 

No que se refere ao funcionamento dos bares e restaurantes, o texto permite a execução de música com som mecânico ou executada por banda ao vivo. Contudo, o texto não permite a prática da dança nesses locais. O objetivo da vedação é inibir aglomerações. Casas de shows e boates estão com as atividades suspensas. 

Eventos privados, como serviços de buffet, têm o funcionamento garantido, desde que respeitem as medidas apontadas no decreto. A legislação também veda a realização de festas carnavalescas na cidade durante o período.

A fiscalização do cumprimento das medidas impostas ficará a cargo das respectivas SDUs e da vigilância sanitária. O descumprimento das normas pode resultar na aplicação de multa e até cassação do alvará de funcionamento do estabelecimento.

CONFIRA O DECRETO MUNICIPAL COMPLETO:


Tópicos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI