Brasil perde para Senegal e cai nas quartas do Mundial de Futebol de Areia - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

26 de ago. de 2021

Brasil perde para Senegal e cai nas quartas do Mundial de Futebol de Areia



O Brasil perdeu nas quartas de final para o Senegal, o mundial do futebol de areia por 5 a 4 (3 a 3 no tempo normal e 2 a 1 na prorrogação). É a primeira vez que os senegaleses avançam a uma semifinal de Mundial.

Os africanos agora aguardam o vencedor de Taiti x Japão, que jogam às 13h desta quinta-feira (26).


Mamour Diagne vibra com um dos gols de Senegal — Foto: Octavio Passos/FIFA


Os jogadores Raoul Mendy e Mandione Diagne surpreenderam com os gols da rodada. Mamour Diagne completou o placar. Pelo Brasil marcaram: Rodrigo (dois), Catarino e Zé Lucas. Esta é a segunda vez seguida que a seleção brasileira cai nas quartas de final do Mundial. Em 2019, o algoz foi a Rússia.

O gol do Brasil veio com Rodrigo, num chute certeiro. O Brasil queria mais. Aos quatro, Edson Hulk acertou a trave em cobrança de tiro livre. Aos nove, Senegal chegou ao empate. Em chute de longe Seyni, Mamour Diagne deu leve desvio tirando a bola do alcance de Rafa Padilha.


Rodrigo vibra com o seu gol no primeiro tempo — Foto: Octavio Passos/FIFA

Brasil marca

O Brasil não se abateu com o gol sofrido e seguiu buscando o ataque. Aos 10, Catarino driblou Seyni e foi derrubado próximo do gol. Pênalti. Na cobrança, o goleiro senegalês defendeu a bola chutada pelo camisa 4 brasileiro, garantindo o 1 a 1 do primeiro tempo.

A três minutos do fim do primeiro tempo, o Brasil voltou a ficar à frente. Após receber lançamento longo, Catarino deixou a bola quicar e encheu o pé para fazer 2 a 1. Embalado, o Brasil marcou o terceiro gol na sequência, quando Catarino fez o passe alto e Zé Lucas emendou de voleio, definindo o placar da etapa.


Catarino fez um gol importante no segundo tempo — Foto: Octavio Passos/FIFA

Senagal empata

O terceiro tempo mal começou, e Mandione Diagne diminuiu para Senegal num desvio de cabeça. Aos dois minutos, Mamour salvou em cima da linha uma bola chutada por Rodrigo. Pouco depois, Lucão ganhou disputa no ataque e bateu forte. A bola tocou no travessão saindo pela linha de fundo. Buscando o quarto gol para ter tranquilidade, o Brasil esteve perto de marcar aos seis, quando Filipe chutou no ângulo, e Seyni foi buscar.

A dois minutos do fim, porém, veio o baque. Em cobrança de falta frontal, Raoul Mendy acertou o canto esquerdo de Rafa Padilha, fazendo 3 a 3. O gol motivou os senegaleses, que foram com tudo em busca da virada. Antes do fim do tempo regulamentar, Raoul Mendy, Mamour Diagne e Sylla desperdiçaram chances incríveis, e a partida foi à prorrogação.


Mamour Diagne vibra com um dos gols de Senegal — Foto: Octavio Passos/FIFA

Time africano classificado

O jogo seguiu dramático no tempo extra, e, com três minutos corridos, Raoul Mendy colocou Senegal na frente. Após o gol, o Brasil se mandou todo ao ataque e acabou castigado num gol de Mandione Diagne. Sem abdicar da partida, a seleção diminuiu logo depois da saída de bola com Rodrigo. Só que já era tarde para buscar o empate, e a classificação ficou mesmo com Senegal.

Com informações do Ge.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI