Prefeitura de Teresina nega fim da meia passagem aos alunos da rede privada - Barra d Alcântara News

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI

31 de ago. de 2021

Prefeitura de Teresina nega fim da meia passagem aos alunos da rede privada



A Prefeitura de Teresina negou a informação sobre o fim da meia passagem para alunos da rede particular de educação da capital. A possibilidade foi anunciada na manhã de hoje (31) pelo secretário de finanças da gestão, Robert Rios (DEM).

O vice-prefeito argumentou que se o aluno da rede privada ‘pode pagar uma escola, ele também poderia pagar o transporte’. No entanto, após a repercussão das declarações, a prefeitura se manifestou e destacou que ainda estuda como deve ficar a operação do sistema de transporte público.

Além disso, a prefeitura explicou que deve adotar a melhor forma de atendimento para todas as partes envolvidas.

Prefeitura de Teresina nega fim da meia passagem aos alunos da rede privada (Foto: Meio Norte)

Nota

A Prefeitura de Teresina informa que não procede a informação que circula sobre o fim da meia passagem para alunos da rede particular de educação da capital. A Prefeitura ainda estuda como deve ficar a operação do sistema de transporte público e deve adotar a melhor forma de atendimento para todas as partes envolvidas.

Estado deve arcar com os custos da meia passagem

O governador Wellington Dias (PT) sinalizou nesta segunda-feira (30), que o Governo do Estado vai ajudar a Prefeitura de Teresina a arcar com os custos da meia passagem dos estudantes no ônibus coletivos, como uma solução para a crise no sistema de transporte na capital.

“O Governo do Estado quer ajudar. É uma crise que se alongou e precisamos de solução. Dialoguei com o prefeito Doutor Pessoa, que mostrou muita disposição em encontra uma solução. Tratei com a equipe dele e a nossa. E manifestei uma posição favorável a uma proposta para se ter equilíbrio em relação ao sistema de transporte de Teresina e tenhamos a gratuidade para policiais do estado, assim como, já faz com as pessoas com deficiência faz o pagamento daquilo que é uma gratuidade no chamado subsídio cruzado. Os que pagam a passagem pagam por estes”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

EM BREVE, SUA EMPRESA AQUI